Protegendo os nossos amores

A reunião do último sábado foi muito rica e divertida. Achei bacana que algumas não tiveram medo de trazer os seus livros mais amados para a troca. Confesso que sou um pouco possessiva com os meus livros mais queridos (os meus preferidos mesmo nem fizeram a viagem sobre o Atlântico ainda) e realmente admirei a coragem. Cheguei a comentar que às vezes encapo temporariamente os livros que me emprestam (até os meus próprios se a capa for muito delicada ou branca) e achei que valia colocar o link do passo-a-passo aqui, para quem se interessar 🙂

Anúncios

  1. Fernanda

    Realmente uma ideia simples para preservar o que é do outro.
    Mas os meus livros… ah, adoro ver que eles foram manuseados e lidos várias vezes… adoro ver as marcas de dedos sujos de chocolate nas páginas (amo ler comendo chocolate), uma areiazinha escondida enquanto lia na praia, enfim, acho que o livro foi feito para ser mesmo muito folheado e remexido o máximo que puder, pelo maior número de pessoas possíveis. Só assim ele assume seu verdadeiro papel de entreter. Por isso amo fazer parte desse grupo e emprestár os meus sem a menor dó.
    Obs: quem tiver pego algum livro meu emprestado não precisa botar capinha não, tá?
    Beijos grandes!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s